CAMPANHA SALARIAL – 2021 – EMPRESAS SE PRONUNCIARAM

Hoje, depois de quase dois meses de espera, ocorreu a segunda Reunião de Negociação com as empresas da Data-base Outubro, Braskem, Innova e Oxiteno assessoradas pelo Sindiquim (Sindicato Patronal).

Com a Data-base Setembro, pior ainda, nem sinal da poderosa multinacional Arlanxeo.
DB – OUTUBRO: Braskem, Innova e Oxiteno

Nesta tardia e esperada reunião, as empresas continuam “não vendo” os trabalhadores, pois a contraproposta apresentada hoje chega somente a aplicação do INPC de 10,78%, que é a recuperação das perdas dos doze meses passados (outubro/20 a setembro/21), ainda com LIMITAÇÃO de salários para aplicação desta correção, o velhaco e injusto achatamento dos salários.

Vejam abaixo a contraproposta das, sempre ricas, empresas petroquímicas e compare com a proposta aprovada e apresentada às empresas em 08/09/2021.

Veja a tabela no EM DIA 2002 link: https://sindipolo.org.br/?cat=9

Para o SINDIPOLO esta contraproposta tem que melhorar, porque está muito aquém dos anseios da Categoria Petroquímica/ RS, ainda mais neste momento de Pandemia, de forte perda de poder aquisitivo e de forte alta do custo de vida.

As empresas Braskem, Innova, Oxiteno e Arlanxeo estão com ótimos resultados econômicos e seus trabalhadores merecem mais do que nunca “um pedaço do bolo com recheio, chega de farelo!”

A Braskem, por exemplo, maior produtora de resinas termoplásticas das Américas, encerrou o segundo trimestre deste ano com lucro líquido de R$ 7,4 bilhões, revertendo o prejuízo de R$ 2,5 bilhões registrados um ano antes. O resultado final, que também superou em 198% o ganho visto no primeiro trimestre, reflete o forte desempenho operacional da empresa, beneficiada por vendas robustas e spreads (diferença entre taxas) internacionais superiores, e a melhora do resultado financeiro; A Innova em 2020 dobrou seu valor de EBITDA e agora em 2021 já ultrapassou o valor em EBITDA de 2020; Mesmo com pandemia a Oxiteno fatura R$ 5,22 bilhões e tem maior crescimento em cinco anos. Arlanxeo é líder mundial na produção e comercialização de borracha sintética, agora no controle de 100% da Saudi Aramco (saudita). A aquisição da empresa aumentou a participação na cadeia petroquímica em relação a exploração e comercialização de petróleo no mundo onde já está em nove países e conta com cerca de 3,8 mil funcionários e mais de 20 unidades de produção.

Para as quatro empresas o SINDIPOLO reiterou veementemente ser contra o limitador de salário (escalonamento), pois é um absurdo o achatamento das faixas salariais a médio e longo prazo. Destaca novamente a importância do item do Cartão Alimentação/Vale Rancho; entende que tem que haver uma recuperação urgente do Piso Salarial e principalmente uma boa recuperação do irrisório valor do Auxilio Educação da Innova/Oxiteno. Os trabalhadores irão continuar mobilizados, debatendo e conversando no ambiente de trabalho e fora dele, sobre os possíveis avanços necessários na negociação deste ano.

É de conhecimento geral que os outros Polos Petroquímicos estão com suas convenções/acordos fechados pelo INPC referente às suas Datas-bases com alguns pequenos ganhos, mas novamente insistimos que infelizmente o Rio Grande do Sul é o estado em que os trabalhadores tiveram o maior impacto da inflação principalmente na Cesta básica que registrou um aumento acima de 25% nos últimos doze meses, sendo a mais cara do Brasil.

DB – SETEMBRO: Arlanxeo

A empresa Arlanxeo continua sem dar resposta à proposta dos trabalhadores. Na primeira reunião que ocorreu em 28/9, quando a empresa apresentou a absurda proposta de somente 9,5% para salários até R$ 9 mil. Acima deste valor um fixo de R$ 937,80, ou seja, nem o INPC (10,42%) a empresa não quer corrigir. Nos Auxílios e Piso Salarial ela propôs a aplicação somente do INPC. Já passou da hora pra Arlanxeo assumir seu tamanho de empresa multinacional, uma das maiores player mundial do setor e, assim, reconhecer de fato seus trabalhadores, recuperando as perdas salariais.

Categoria mobilizada conquista Direitos, Dignidade, Valorização e Respeito!


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.